Quando a automação é o diferencial  

Em 2002, a parceria Bracco e Practical entregou o primeiro edifício da linha Practical Life com infra-estrutura para diversos recursos de automação residencial. Agora terá início o oitavo edifício (para as classes média e média alta, no bairro Campo Belo, em São Paulo, SP) e a automação, de lá para cá, só ganhou espaço – tanto nos benefícios para o morador como na qualidade final do imóvel.

Com o objetivo estratégico de atuar de forma diferenciada, com destaque para a praticidade das rotinas numa residência e elevado valor percebido pelo cliente, a Bracco e a Practical Soluções Imobiliárias empregam, há vários anos, a automação residencial. “Nos três primeiros edifícios automatizados, utilizamos um sistema da IBM, o Home Net Center”, contou Nelson Parisi Júnior, diretor da Practical. “Este sistema permitia automatizar cenários, controlar equipamentos como ar-condicionado, TV e receivers.” Parisi mencionou que, na época, o equipamento custava 8 mil dólares e, com a instalação e automação, o valor chegava a 50 mil reais.A partir do quarto empreendimento, entretanto, a empresa começou a preparar uma estrutura híbrida de automação, não mais vinculada à IBM, o que permitiu a instalação de equipamentos de várias marcas. Desde, então, iniciou os trabalhos com a Marbie Systems (São Paulo, SP), empresa integradora de sistemas. “Hoje, os custos já caíram bem”, informou. “Inicia-se com equipamentos para cenários a partir de 5 mil reais”.O último prédio lançado, no bairro do Campo Belo, em São Paulo, SP, oferece infra-estrutura para automação residencial, sendo que as soluções (equipamentos) são uma opção do futuro morador. O apartamento decorado possui:
sensores de vazamento de gás e transbordamento de água; leitora biométrica na fechadura; painéis touch-screen; controle de som ambiente individualizado; auto-falantes para som ambiente nos quartos, salas, terraço e banheiros; persianas e cortinas motorizadas; controle de temperatura do ar-condicionado; câmeras internas; sistema de aspiração central a vácuo; medidores individuais de água e gás Vale mencionar que um filme sobre os benefícios do apartamento é exibido em vários ambientes enquanto os clientes conhecem o empreendimento. O detalhe: toda a automação apresentada no filme acontece simultaneamente para o cliente conferir, ou seja, se o filme mostra a cortina se abrindo, ao mesmo tempo a cortina também se abre no apartamento.

Benefícios

Com infra-estrutura pronta para receber os sistemas automatizados, todos os apartamentos possuirão uma caixa de integração ao lado da caixa de elétrica, na cozinha do apartamento. De fácil acesso, esta caixa possibilitará a instalação de qualquer tipo de equipamento de automação, bem como rápida manutenção e futuras alterações no sistema. A leitora biométrica acoplada na fechadura eletrônica, por exemplo, permite que se crie tabelas para controle de horários (entrada e saída) e rotinas personalizadas para cada usuário. “Você pode programar que, assim que chegar em casa, as cortinas se abram, toque sua música preferida, todas as luzes se acendam, etc.”, exemplificou. “É importante destacar que esta solução não serve só para abrir ou fechar a porta. Facilmente libera ou bloqueia acessos.” Câmaras IP também são um interessante recurso para pais que, enquanto trabalham, desejam acompanhar seus filhos em casa. A automação permite que se crie diversos cenários: ao assistir televisão, automaticamente a cortina desce, o som fica num volume previamente determinado, a luz seja dimerizada, etc. Em uma outra situação, quando há visitas, a luz é mais intensa, o volume do som fica mais baixo, as cortinas se fecham, etc.

O usuário interage facilmente com os sistemas automatizados
 
A automação residencial chega aos edifícios de médio alto padrão para atender o dia-a-dia da vida moderna, tanto no quesito segurança como bem-estar. Com os sistemas preparados durante a construção, fica fácil, para o proprietário, instalar os mecanismos que facilitarão a convivência familiar, o controle e a manutenção do apartamento. Estes complementos vão desde integrar, em todos os ambientes, os aparelhos eletroeletrônicos, possuir uma central de aspiração de pó, estabelecer cenários de iluminação e de som ambiente, até sensores de presença, alarme para vazamento de gás e câmera para monitoramento. 

 
O preço da automação instalada neste apartamento decorado é de, aproximadamente, 30 mil reais, ou seja, menos de 5% do valor do apartamento O ar-condicionado também pode estar totalmente integrado, com programação de temperatura para os diversos períodos do dia. Em manhãs mais quentes, por exemplo, o aparelho é acionado automaticamente até alcançar a temperatura programada.Ainda no apartamento modelo, um único equipamento de DVD, com duas zonas, localizado na sala, permite que se assista um filme na sala e outro no quarto, entre outras opções. “Os sensores de vazamento de gás e transbordamento de água são muito eficazes tanto em termos de economia como na prevenção de danos ao imóvel”, salientou o diretor.“Vamos entregar este imóvel já com o sistema de medição de água e gás individual. Tudo estará funcionando. Um estudo do Secovi constatou que, com o uso deste sistema, já se obtém uma economia de 30% já no primeiro mês”, contou.Na área comum, a automação também estará em destaque. Com o controle da iluminação, é possível que a luz sala de ginástica, por exemplo, seja desligada caso algum morador vá embora, deixando-a acesa. O mesmo acontece com o ar-condicionado. Outra importante parte da automação está nos controles de bombas e irrigação. “Temos bombas que fazem a filtragem da piscinas, bombas de recalque e bomba de água pluvial. Essas bombas, quando integradas no sistema, apresentam maior vida útil e manutenção reduzida.” A irrigação também aparece, com seu funcionamento acionado através de uma programação de horário ou sensores de umidade. Além disso, é possível verificar todo este ambiente através das câmeras e controles situados na guarita.“Enfim, cada um monta o sistema de automação residencial com os benefícios que deseja”, finalizou Parisi.

Diferencial já consagrado e percebido pelos clientes, a automação continuará presente nos projetos de Parisi. A empresa considera a possibilidade de, num futuro não muito distante e de acordo com o nível do prédio, entregar o empreendimento já com algumas soluções básicas.

A segurança está, também, na maneira de liberar o acesso à residência, principalmente nos casos eventuais, como prestadores de serviços. A fechadura elétrica destrava a porta, após a leitura biométrica, liberando o acesso às pessoas previamente autorizadas. Enquanto o acesso é controlado e registrado, por meio da leitura biométrica, as câmeras e os sensores mostrarão imagens, por intermédio da internet, e sons, provocados pelos alarmes, oriundos de dentro dos apartamentos.

 
Fonte: Revista Automatizar de Abril/08 

 
 
 
Video da Construtora
Área Restrita













Construtora Bracco - 2019(11) 3094-2844